E27C5CEE-3406-481F-AB0D-C5CA010504C4

Nascimento: 19 de agosto de 1946 (idade 73 anos), Colúmbia, Carolina do Sul, EUA
Missões espaciais: STS-31, STS-61-C, STS-60, STS-45
Cônjuge: Alexis Walker (desde 1968)
Filhos: Anthony Che Bolden, Kelly Michelle Bolden
Formação: Universidade do Sul da Califórnia (1977), Academia Naval dos Estados Unidos (1968), C A Johnson High School, Escola de Pilotos de Teste Navais dos Estados Unidos
Charles Bolden, em conferência na Nasa, afirmou que um ataque extraterrestre no nosso planeta é iminente, sendo que até 2025 é altamente provável que tenhamos o primeiro ataque dos ovnis. Tal como informa o site “Notícias ao Minuto”, o ex-diretor da NASA garantiu que existem mais de 30 mil civilizações fora do nosso planeta Terra, pelo que é altamente provável um ou mais dessas civilizações já terem notado a nossa presença, sobretudo por causa do aumento significativo dos nossos meios para explorar outros planetas e até galáxias através das sondas.

 

Com cada vez mais teorias, comprovadas com descobertas científicas ou então um pouco exageradas e inventadas, de que provavelmente existe outras formas de vida em outros planetas muito distantes do nosso planeta, a verdade é que cada vez mais pessoas acreditam que existem extraterrestres que sabem da nossa existência parecem aumentar a cada dia que passa. Contudo, essa é uma das primeiras vezes que um ex-diretor da NASA também levanta essa hipótese, apesar da organização espacial americana já ter desmentido que essas informações tivessem sido confirmadas.
21557604-4B65-44B5-81E9-0C19A636FAC9

“Há grande possibilidade dessas coisas já terem notado nossa existência. Propusemos que no Universo há pelo menos 30 mil civilizações extraterrestres. Muito provavelmente chamamos a atenção de pelo menos algumas dessas civilizações”, revelou de forma muito direta Charles Bolden durante a sua conferência, criando logo ali um enorme impacto com suas declarações bombásticas. Um pouco mais tarde, e sabendo perfeitamente da polêmica que sua confissão estava gerando, o ex-diretor revelou que tudo isso não é somente uma possibilidade, mas também uma enorme certeza de que outras civilizações já conhecem a nossa existência e que tencionam invadir o nosso planeta até o ano de 2025 por não gostarem da nossa presença no espaço.

Nas redes sociais, muitas pessoas demonstram estar bastante confusas com tudo o que o ex-diretor da NASA confessou, temendo que ele possa estar revelando informações secretas e conclusões que a organização, até para não criar nenhum pânico na população mundial, decidiu não revelar publicamente.

Resta agora aguardar por informações oficiais dos atuais diretores da NASA que, financiados pelo estado americano com vários bilhões de dólares, tem como principal objetivo colocar os primeiros homens em Marte nas próximas duas décadas. Acreditam mesmo que estamos sendo observados por civilizações extraterrestres? Há razões para temer uma invasão e ataque?

Ameaça Humana

O problema é que os humanos estão tratando o espaço como tratam o Planeta Terra, ou seja, nós somos predadores, estamos destruindo o nosso planeta, poluindo mares, rios, destruindo as florestas, os animais estão sendo dizimados, insetos desaparecendo, os mares são um verdadeiro esgotos. Facilmente faremos isso em qualquer Planeta que chegarmos.

A atenção começa a despertar  quando inicia a corrida espacial, em órbita da terra hoje tem milhares de sucatas das missões espaciais, estamos levando nossos vírus para luas e planetas do sistema solar, alguns anos atrás os americanos queriam explodir uma bomba atômica na Lua, Projeto A119 ou “Um Estudo de Voos Lunares Investigativos” foi um plano ultra-secreto desenvolvido no final da década de 1950 pela Força Aérea dos Estados Unidos com a intenção de detonar uma bomba nuclearna Lua. Presume-se que a finalidade de tal ato seria demonstrar a superioridade dos Estados Unidos em relação à União Soviética e ao restante do os isso mundo durante a Guerra Fria.

Samos como gafanhotos, predadores, escravizaríamos qualquer vida inferior existente  em algum Planeta se por ventura pousássemos, com isso estamos sendo observados e fatalmente não nós deixarão expandir nossas fronteiras, Enquanto não mudarmos nossa consciência e preservação.