Muitas pessoas não sabem e nem mesmo ouviram falar dele, mas o livro profético de Baruch contém notas sobre viagens no tempo e uma visão de um satélite extraterrestre orbitando a Terra. É talvez o satélite extraterrestre Cavaleiro Negro. (Black Night o satélite Extraterrestre possuímos postagem sobre o assunto)

Isso porque os manuscritos, presentes na antiga tradução grega do Antigo Testamento, não foram incluídos nas versões mais recentes da Bíblia cristã, especialmente na protestante.

Cavaleiro Negro

Conhecidos como o “Resto das Palavras de Baruque” ou “Adendo ao Profeta Jeremias”, os manuscritos contêm registros de uma viagem no tempo e um relato visual de um satélite orbitando a Terra, por volta de 600 AC.

Viagem no tempo

Segundo os documentos, no ano 586 AC um jovem etíope chamado Abimeleque foi enviado de Jerusalém pelo profeta Jeremias para escapar da destruição da cidade. No caminho, porém, ele adormeceu inexplicavelmente e poucas horas depois, quando voltou para a cidade, teriam passado 66 anos.

Este seria um dos primeiros registros de viagem no tempo documentados por textos bíblicos. Isso aconteceu há 2500 anos. Como isso pode ser possível? Mas este não é o único conto “estranho” presente nos escritos de Baruch.

Satélites extraterrestres orbitando a Terra

O Cavaleiro Negro, a NASA consegui localizar sua posição orbitando a Terra, supõe que ele está mantendo essa órbita a 12000 anos

Ele também conta ter visto “um pássaro magnífico que observava os acontecimentos do planeta”.  Segundo ele, “de vez em quando esse pássaro abria as asas para absorver a força do sol.  E depois de voar, ele ficou tão cansado que retraiu as asas ”.  O que são esses pássaros?  Satélites extraterrestres em órbita ao redor da Terra desde os tempos antigos ou uma previsão dos satélites usados ​​hoje?

Não é de surpreender que hoje existam satélites movidos a energia solar que abrem e fecham suas “asas” para absorver o calor do Sol. Esses satélites frequentemente desempenham o papel de “observar” o planeta.

De acordo com o escritor e produtor Georgio A. Tsoukalos, uma das autoridades mais conhecidas em pesquisa de OVNIs e misteriosa arqueologia, os manuscritos de Baruch são algumas das melhores histórias sobre antigos astronautas que existem. Isso ocorre porque eles descrevem relatos atraentes desses eventos.

Essas fitas poderiam ser a prova de que precisávamos, de que a viagem no tempo é possível e de que extraterrestres observam a Terra há milhares de anos.